sábado, julho 31, 2021
HomeNotíciasArgentinos vão às ruas em defesa da vida, após Câmara aprovar PL...

Argentinos vão às ruas em defesa da vida, após Câmara aprovar PL que legaliza o aborto — Conexão Política

Defensores da vida foram às ruas de Buenos Aires na sexta-feira (18), após a Câmara dos Deputados argentina aprovar um projeto de lei para legalizar o aborto até a 14ª semana de gravidez.

O PL ainda irá para o Senado, uma câmara tradicionalmente mais conservadora. Se aprovado, o aborto será possível até a 14ª semana, se a gravidez for resultado de estupro ou se colocar em perigo a pessoa que carrega o feto. Além disso, segundo o novo PL, menores de 16 anos poderão buscar “assistência jurídica” para realizar o aborto em casos de “conflito de interesses”.

Na esperança de ganhar mais votos, os parlamentares que apoiam o projeto de lei fizeram alterações de última hora no texto que permitiriam que clínicas privadas, nas quais todos os profissionais médicos que se opusessem ao “direito” ao aborto, se abstivessem de fornecer o procedimento. No entanto, essas clínicas seriam obrigadas a encaminhar as mulheres para outro serviço que realizasse o aborto.

RELATED ARTICLES
- Advertisment -
Google search engine

Most Popular